• Out
    27
    20h

Boccherini, Bach, Strauss

Teatro Nacional de São Carlos , Lisboa

Direção musical de Joana Carneiro.

bilhetes

Sinopse

A Abertura em Ré maior é uma curta e divertida peça escrita por Luigi Boccherini aquando da sua estadia como compositor na corte do rei da Prússia. O tratamento conferido às cordas é de tal modo excecional e imaginativo que nos recorda a escrita mozartiana. Carl Philipp Emanuel Bach, segundo filho de Johann Sebastian Bach, legou-nos uma volumosa obra com mais de 750 composições. Muitos dos seus concertos para tecla foram transcritos para outros instrumentos, como é o caso do seu Concerto para violoncelo em Lá maior, composto em 1753 e que apresenta enormes dificuldades técnicas e longas passagens virtuosísticas. Richard Strauss, inspirado pela comédia de Molière Le Bourgeois Gentilhomme, escreveu entre 1911 e 1917 a suite com o mesmo nome. Pouco usual nas obras deste compositor, a música denota um sabor barroco muito acentuado e com partes inspiradas em árias de Jean-Baptiste Lully, que escreveu a música de cena para a peça original de Molière estreada em 1670.

Ficha Técnica

Direção Musical | Bruno Borralhinho

Violoncelo | Bruno Borralhinho

 

Orquestra Sinfónica Portuguesa
Maestrina Titular | Joana Carneiro

Programa

Luigi Boccherini {1743-1805} | Abertura em Ré maior

Carl Philipp Emanuel Bach {1714-1788} | Concerto para Violoncelo em Lá maior

Richard Strauss {1864-1949} | Le Bourgeois Gentilhomme

Adquira o seu bilhete aqui:

bilhetes